DKMA

Tag: e mail marketing

7-dicas-para-envio-de-e-mail-marketing-marketing-dkma-tecnologia-e-marketing
E-mail Marketing

7 dicas para envio de e mail marketing

Uma forte estratégia de e mail marketing tem muitas partes móveis. Quando você manda? Com que frequência você envia? Qual é um bom apelo à ação? Aqui estão sete dicas.
 

  1. Frequência

 
Ao enviar e-mails manualmente, os representantes de vendas muitas vezes param de chegar após duas ou três tentativas. De acordo com os dados do LeadGenius, oito sequências de e-mail estão bem no ponto positivo e 36,2% das respostas positivas ocorrem após o terceiro envio. Para garantir que cada ligação obtenha o mesmo tratamento, muitas empresas automatizam seus esforços de divulgação de email usando uma solução de tecnologia que é facilmente escalável. Com este tipo de soluções, garante que cada ligação obtenha o mesmo tratamento e que cada conta ou contato receba 3-8 emails de acompanhamento.
 

  1. Cadência

 
Para uma empresa com um ciclo de vendas de 90 dias, sua cadência pode ser distribuída por mais de 50 dias até chegar ao oitavo serviço de email. Assim que um prospecto responda em qualquer ponto dessa seqüência, eles devem ser removidos. E, uma resposta positiva vai diretamente para um representante de desenvolvimento de vendas ou executivo de conta para desenvolvimento futuro. Uma resposta negativa deve remover o prospecto de futuros fluxos de trabalho de saída.
 

  1. Dia da semana e hora do dia

 
Antes de enviar e-mails, primeiro pesquise seu público. Você deve quem eles são, onde eles caem na hierarquia da empresa, quando eles podem ter momentos gratuitos no dia, e quando eles são mais propensos a verificar o email do trabalho. Se você achar essas perguntas difíceis de responder ou não há uma tendência clara, então você não conhece seu público tão bem quanto você deveria ou sua campanha não tem segmentação coesa.
 
A única maneira objetiva de determinar o tempo ideal para enviar para um determinado público é analisando os dados. E, a menos que seus dados digam o contrário, é melhor enviar e-mails durante o horário comercial.
 

  1. Dicas de mensagens

Os e-mails de saída devem ser curtos e direto ao ponto. Não há limite firme para a contagem de caracteres. Como 20-50% dos e-mails de saída serão abertos em um dispositivo móvel, cada mensagem deve ser simples o suficiente para digerir de relance. E, leia seus e-mails em voz alta antes de enviá-los. Você pode se surpreender com a diferença entre o som lido em voz alta.
 

  1. Chamadas para ação

 
Os e-mails de saída devem ter uma única chamada para ação. Na maioria dos cenários de saída, a chamada de ação desejada é uma resposta por e-mail. As respostas de e-mail são a maneira mais direta e confiável de avaliar o interesse. O e-mail deve fazer uma única pergunta de sim / não, “Você está interessado?” Os detalhes podem ser esboçados mais tarde. Um simples “sim” significa que esta pessoa está agora em seu pipeline. Se a perspectiva não responder ao seu primeiro e-mail, você pode usar o conteúdo em emails subsequentes para oferecer um valor adicional. Quanto mais segmentado e de alta qualidade o conteúdo, mais provável é que a pessoa se envolva com ele.
 

  1. O que é uma boa taxa de abertura?

 
Uma boa taxa de abertura é uma taxa aberta que é melhor do que a sua última. Seu objetivo não deve ser combinar benchmarks, mas começar em algum lugar e melhorar a partir daí. A única maneira de melhorar é conhecer melhor seu público, testar e iterar. Enquanto o MailChimp e o Constant Contact publicam suas métricas básicas para categorias amplas da indústria a cada dois meses, elas não são exatamente arbitrárias e, francamente, elas não ajudarão a informar sua estratégia.
 

  1. Como reduzir a taxa de rejeição de e-mail

 
Os e-mails saltam por uma variedade de razões, incluindo filtros de spam cada vez mais agressivos, reputação do remetente e decaimento do banco de dados. Mas se os seus dados principais forem bons, sua taxa de rejeição deve permanecer gerenciável abaixo de 3%. Durante a vida de uma campanha, as taxas de retorno de e-mail de saída diminuirão porque os e-mails não entregues são eliminados com cada envio. Os e-mails de marketing tipicamente mantêm uma taxa de retorno de linha base porque as listas são continuamente reabastecidas com novos e-mails de qualidade variável.

Faça-vendas-com-poderosas-estratégias-de-e-mail-marketing-neste-Dia-dos-Pais-dkma-tecnologia-e-marketing
E-mail Marketing

Faça vendas com poderosas estratégias de e-mail marketing neste Dia dos Pais

Dia dos Pais

O Dia dos Pais apresentam às organizações uma oportunidade imensamente lucrativa para aumentar as vendas drasticamente. Fontes revelam que 76% dos brasileiros celebram o feriado, e a Federação Nacional de Varejo estimou que um enorme R$ 2 bilhões serão gastos este ano em presentes um recorde. No entanto, embora isso pareça uma quantidade enorme, é um substancial do que os R$ 5 bilhões gastos no Dia das Mães. No lado positivo, a discrepância entre os dois está diminuindo constantemente, e se alavancado corretamente, o Dia dos Pais logo alcançará a par das receitas de vendas do Dia das Mães. Os profissionais de marketing devem procurar canalizar mais atenção da mídia para o feriado efetivamente alavancar o poder da internet.

Receba benefícios abundantes alavancando o marketing por e-mail

As iniciativas de marketing digital geram uma parcela significativa das vendas para qualquer empresa hoje. Em uma economia que está se tornando cada vez mais digitalizada, este é um aspecto vital que nenhum comerciante pode ignorar. Um desses exemplos de utilização da mídia online para fazer isso é o marketing por e-mail. Com um retorno colossal de 4400% sobre o investimento R$ 44 por cada real gasto, o marketing de e-mail reina como a  estratégia mais  efetiva no mercado de marketing. Estudos revelam que 82% das empresas B2B e B2C atualmente usam o marketing de e-mail para aumentar seus negócios e aumentar o nível de receita. Isso não é surpreendente quando você considera que 72% dos consumidores preferem o e-mail como principal fonte de comunicação comercial. Além disso, 61% gostam de receber promoções semanais por e-mail e 28% os receberia ainda mais frequencia. Com a visualização móvel ganhando em prevalência, os usuários de smartphones que verificam ativamente o email em sua conta de telefone são de 88%.

O que você pode aprender com as estratégias de marketing de e-mail empregadas no Dia das Mães

  • Quatro tendências notáveis ​​durante o Dia das Mães foram reveladas a partir de dados de marketing e vendas coletados de 2.400 varejistas online.
  • As vendas atingiram seu pico uma semana antes do feriado. Isso destaca o fato de que, embora o planejamento prévio e o lançamento de sua campanha de marketing sejam importantes, as vendas podem não diminuir até muito mais perto do dia atual. Portanto, é crucial enviar mais de um e-mail.
  • O re-marketing de e-mail funcionou melhor uma semana antes do Dia das Mães, com o dia máximo de vendas produzindo as maiores taxas de abertura. Novamente, envie mais de um email, com “un-opens” sendo seu alvo específico. Clientes que aguardam até o último minuto possível para que suas compras sejam notavelmente altas.
  • As taxas de abandono, também, atingiram o máximo nos dias que antecederam o Dia das Mães. O número de carrinhos de compras on-line que foram deixados e esquecidos aumentou bruscamente antes do dia. Você pode tomar certas medidas preventivas para isso para a campanha do seu Dia dos Pais. Estes podem incluir oferecer incentivos atrativos, como entrega garantidos, frete grátis ou políticas de retorno úteis que minimizem o estresse que as compras de presentes induzem aos consumidores.
  • As terças provaram serem as menos populares nas vendas e os sábados mais. Os consumidores tendem a usar os dias da semana para navegar e os fins de semana para acompanhar as compras. Estratégias como promoções de 24 horas na terça-feira antes do Dia dos Pais para aumentar as vendas durante o dia-a-dia e o envio de lembretes nos fins de semana podem contribuir muito para melhorar as vendas globais.

 

Crie uma campanha bem sucedida de marketing por e-mail

 
Para construir uma campanha eficaz de marketing por e-mail, você deve empregar certas estratégias que atraem seus clientes, facilitando o processo de compra de presentes para eles. Certifique-se de apresentar sua oferta em detalhes claros e sucintos ao público. Lembre-os o quão perto é a ocasião e assegure-se de que seu assunto inclua seu acordo e, se possível, um prazo que aumente a urgência.
Inclua guias de presentes em seu e-mail que atendam a diferentes tipos de personalidade e abordem uma variedade de passatempos que um pai pode ter.
As campanhas centradas na família são apropriadas para a ocasião, por isso, tendo isso em mente, tente oferecer ofertas familiares e inclusivas. Por exemplo, vantagens como refeições gratuitas, onde “No dia dos Pais seu pai não paga” podem ser iniciativas atraentes e eficazes.
Os temas que provaram funcionar variam desde o posicionamento de papai como um herói para ajudar os consumidores a mostrar apreciação por seus pais, empregando humor e nostalgia em seu e-mail. Isso permite que um consumidor compartilhe risos ou memórias com seu pai e um vínculo com eles.
Dê aos clientes uma maneira de expressar seu amor e, especificamente, enfatizar isso. Um estudo mostrou que usar a palavra “amor” na linha do assunto do e-mail do dia do seu pai pode aumentar as taxas de transação em até 300%! Outras palavras que você pode adicionar incluem “Salvar”, “Presente grátis” ou “Frete grátis”, “50% de desconto”, “Cupom”, “Ofertas”, “Oferta exclusiva” e aqueles em uma veia similar.
Você deve reenviar seu e-mail, reiterando detalhes da oferta e sua data de vencimento. Importante, alvejar “desbloquear”, e acompanhar os e-mails de lembretes nos dias anteriores ao Dia dos Pais.
O Dia dos Pais é um dia para a celebração, a educação e a apreciação, para aproveitar a ocasião e aproveitar ao máximo todos os aspectos!
Confira os serviços exclusivos de e-mail marketing para os dias dos pais, acesse https://dkmatecnologia.com.br/e_mail-marketing/

Dicas-para-engajamento-do-e-mail-marketing-dkma-tecnologia-e-marketing
E-mail Marketing

Dicas para engajamento do email marketing

Como um casamento, o email marketing é baseado em uma relação entre duas partes interessadas: uma marca e um consumidor. Mas enquanto o primeiro casamento médio dura cerca de oito anos , o email marketing tem permanecido cerca de 40 anos.
 
 
A evolução do marketing por e-mail
O primeiro e-mail de marketing desembarcou em caixas de entrada em maio de 1978. Era o spam.
 
Gary Thuerk , um comerciante da Digital Equipment Corporation, redigiu o primeiro e-mail de marketing não solicitado, em 1º de maio de 1978. Distribuído via Arpanet, provocou a mesma reação negativa que os milhões de outros emails de spam que se seguiriam.
 
Mas o importante foi que aconteceu. E iniciou uma corrida de quatro décadas para contar o e-mail como um canal para nutrir relacionamentos entre marcas e consumidores.
 
Sem dúvida, parte do sucesso do email marketng pode ser atribuída a restrições regulatórias. Embora os regulamentos criem novos desafios para os comerciantes, as listas em branco e as leis anti-spam (como CAN-SPAM e bem como a legislação GDPR da União Européia ) aumentaram a credibilidade do e-mail tornando os comerciantes mais responsáveis ​​por suas ações. Os clientes agora geralmente confiam em comerciantes que enviam email para eles.
 
Da mesma forma, enquanto a introdução da guia de promoções do Google em 2013 e outros desenvolvimentos de produtos apresentaram obstáculos para os comerciantes de enviarem email marketing os resultados em campanhas  se tornaram mais relevantes e úteis para os assinantes.
 
A outra parte da história
Mas a regulamentação não conta toda a história do sucesso do email marketing.
 
O regulamento é apenas parte da história. A outra razão para a linha de 40 anos do email marketin é que o e-mail evoluiu para um ponto central para todas as coisas digitais. Hoje em dia, um endereço de e-mail é o passaporte para o universo digital, sem ele, os consumidores se limitam muito no universo online.
 
Em um ambiente digital cheio de distrações, os consumidores ainda contam com e-mail como veículo para receber e consumir conteúdo. A pesquisa de Yes Lifecycle Marketing (YLM) mostra que as taxas abertas aumentaram 9% ano a ano, e os novos assinantes representam 6% das bases de dados dos comerciantes, 30% nos últimos três anos.
 
No entanto, as taxas de clique para abrir continuam a diminuir, diminuindo 13 por cento ano a ano. Assim, enquanto os comerciantes estão derrubando o parque quando se trata de criar ofertas personalizadas e linhas de assunto relevantes, os consumidores hesitam em se envolver com marcas que não os incentivam depois que abrem e-mails. Os comerciantes precisam nutrir esses relacionamentos com conteúdo personalizado e tempo para o sucesso a longo prazo.
 
É tudo sobre o consumidor
Os consumidores estão firmemente no banco do motorista da relação de email marketing. Os comerciantes inteligentes sabem que, para melhorar o engajamento, os consumidores devem ocupar um lugar central. Estratégias e campanhas estruturadas em torno das necessidades da marca desaparecerão, enquanto aqueles que priorizam as necessidades dos consumidores irão aparecer.
 
Aqui está o que isso significa para marcas e comerciantes:
 
Começa com uma comunicação significativa. O conteúdo do email é a chave para mover a agulha no engajamento. As marcas precisam entender seu público em um nível detalhado e fornecer informações que atendam às necessidades corretas no momento certo. Quando os consumidores recebem conteúdo valioso depois de abrir e-mails, eles são muito mais propensos a clicar e se envolver com a marca de forma significativa.
O tempo é tudo. Pregar a frequência de e-mail preferida dos consumidores é importante. Mas o tempo de entrega dos e-mails para que eles também iniciem nas caixas de entrada no momento certo. Por exemplo, na YLM, os dados mostram que os e-mails da sexta-feira têm as maiores taxas de engajamento e os e-mails do sábado têm as maiores taxas de conversão. Compreenda o seu público e o tempo em que suas campanhas de e-mail são adequadas.
A relação deve fornecer valor real. Os consumidores sabem quando há alguma oferta falsas, a dica de especialistas para ofertas são: e-mails com ofertas combinadas (por exemplo, 25% de desconto e frete grátis) tendem a produzir as maiores taxas de engajamento.
Preste atenção às necessidades dos clientes. Os emails desencadeados que são automaticamente desencadeados por eventos específicos ou ações do consumidor são efetivos porque posicionam a marca no centro das vidas dos consumidores. Por exemplo, o Ifood, um serviço de entrega de comida, usa campanhas desencadeadas para enviar e-mails personalizados aos assinantes quando a previsão chama a chuva. Embora a nossa pesquisa mostre que os desencadeantes compreendem apenas 7% de todas as campanhas de e-mail, eles resultam em quase cinco vezes a taxa de cliques, o dobro da taxa aberta triplica a taxa CTO de e-mails não ativados.
O email marketing percorreu um longo caminho nos últimos 40 anos. Em várias ocasiões, a paisagem mudou, forçando os comerciantes a adaptar suas estratégias de forma a beneficiar marcas e consumidores.
 
Mas, apesar dessas mudanças, não há como negar a capacidade de sobrevivência do canal. E para as marcas que desejam abraçar uma estratégia mais inteligente e mais orientada para o público, o melhor ainda está por vir. Daqui a 40 anos!

3-segredos-do-marketing-e-da-inteligencia-artificial
E-mail Marketing

Três coisas que ninguém lhe diz sobre Email-Marketing e Inteligência Artificial(IA)

 
Inteligência Artificial (IA) é o sistema mais atraente no e-mail marketing no momento, mas poucos comerciantes sabem isso, por esse motivo vamos listar três valiosas informações sobre eles.

  1. Para a maioria dos comerciantes que utilizam o e-mail marketing não conhecem a IA

 
A Inteligência Artificial depende de dados para entender cada um de seus clientes em todos os dispositivos e canais. Ele tem a capacidade de ajudá-lo a reconhecer o que milhares ou milhões de potenciais clientes querem antes mesmo de conhecê-lo, mas alcançar essas percepções em escala requer massas de dados organizados e integrados. Isso é cerca de dois passos além do que as empresas geralmente têm agora.
 
O  primeiro passo para se preparar para a IA é organizar e integrar os seus dados. Você precisa de um conjunto bom e limpo de dados atuais que englobe as informações coletadas em todos os pontos de contato do cliente, desde a análise da Web até interações de atendimento ao cliente, conversas em mídias sociais e assim por diante. Centralize dados de diferentes departamentos, sistemas e fornecedores. A tarefa leva tempo, especialmente para os líderes da indústria que tornam uma prioridade para acumular dados, mas ter dados organizados e integrados irá definir você para além de seus concorrentes e prepará-lo para tirar proveito do potencial de previsão da IA.
 

  1. A importância da IA com o e-mail marketing

 
E-mail marketing continua a ser o canal preferido em todos os grupos etários por uma proporção de 2: 1, mas mais de 80% dos consumidores dizem que menos da metade dos e-mails que recebem são relevantes ou interessantes, de acordo com o DMA 2016 Consumer Email Tracker .
Descubra quantas vezes seus clientes querem ser enviados por e-mail e se gostariam de ser contatados sobre eventos ou produtos específicos.
Crie segmentos de clientes que lhe permitam oferecer um toque mais pessoal.
Envie e-mails de boas-vindas, e-mails de aniversário e e-mails de agradecimento.
Lembre-os sobre eventos e vendas.
Essas coisas são tudo simples de configurar e fácil de fazer; A capacidade está disponível hoje. Teste tudo em uma base regular para que você possa aprender a melhorar.
 
Utilize todas as ferramentas automatizadas de e-mail à sua disposição. Se você não estiver, você está deixando de ganhar dinheiro. Você não dominar a Inteligência Artificial de uma vez, mas você pode chegar lá aos poucos.
 

  1. Benefícios da Inteligencia Artificial

 
Alguns benefícios da IA existem hoje em e-mail marketing graças a recursos de como enviar os e mails para a otimização de tempo, que usa a análise no histórico de noivado para prever o melhor momento para enviar um e-mail para cada destinatário individual. Quando você otimiza seu tempo de envio, sua campanha automatizada começa no momento em que você clicar em “enviar”, mas os destinatários individuais recebem o e-mail na hora específica do dia que funciona melhor para eles.
 
O IA também já permite que as ferramentas de e-mail que usam algoritmos de linguagem criem linhas de assunto mais fortes, cópias do corpo e chamadas de ação. Com análises que avaliam centenas de emoções, sentimentos e frases, a IA prevê que linguagem melhorará o engajamento, refletirá sua voz de marca e som humana.
 
Ao colocar seus dados em ordem e personalizar suas campanhas, considere os recursos atuais do tipo que a IA ajudará a agregar valor a cada contato com o cliente. Você não pode dar ao luxo de esperar em uma era de expectativas crescentes do cliente, as informações que a IA levantou trás expectativas do consumidor para a personalização e o índice relevante durante todo processo de envolvimento com a marca.
 
Ao aproveitar as oportunidades disponíveis hoje, você pode colocar e-mails da sua marca no mix com aqueles que os consumidores ansiosos para abrir.
 
Num futuro previsível, a IA irá acelerar o seu pipeline de vendas, obtendo mensagens personalizadas para pessoas que estão preparadas e prontas para comprar. Em última análise, a recompensa real, isso o ajudará a agregar insights em várias fontes de dados para que você possa identificar clientes potenciais com base em compras feitas por outras empresas.
 
Mas nada disso muda o que você precisa fazer hoje: Prepare seus dados, aperfeiçoe o básico e use as melhores ferramentas disponíveis, e você verá que a IA estende a estratégia que os profissionais de marketing sempre usaram… Basta ser o mais humano possível.

Quantas-vezes-você-deve-enviar-e-mails-marketing-dkma-tecnologia-e-marketing
E-mail Marketing

Quantas vezes você deve enviar e-mails marketing?

Com as taxas de cliques (CTR) tão baixas cerca de 2 por cento para algumas empresas, uma das melhores maneiras de melhorar os resultados é agendando seus e-mails e sabendo quantas vezes enviá-los.

Segundo relatos, as pessoas não gostam de receber e-mails promocionais a menos que eles subscreveram o serviço ou o e-mail contém algo “benéfico” para eles. No entanto, um fator importante é saber como impactar a pessoa quando ela recebe o e-mail.
Se você continuar bombardeando sua lista de e-mails com e-mails, promocionais ou não promocionais, sua lista de assinantes começará a encolher em um ritmo rápido. De fato, 69% dos usuários cancelaram a inscrição devido a “muitos e-mails”.

Saber o número certo de e-mails pode ser muito difícil, especialmente quando os especialistas sugerem que você se comunicar mais com seus clientes. Especialistas em funil de vendas aconselham as empresas a permanecer em contato com seus clientes e se comunicar com mais frequência.
De acordo com uma pesquisa Marketing Sherpa , 61 por cento dos usuários preferem receber um e-mail promocional, pelo menos uma vez por mês. Surpreendentemente, 15% dos usuários dizem que não se importariam de receber um e-mail promocional todos os dias. O mesmo estudo concluiu que 91 por cento dos usuários não têm problemas com e-mails promocionais. No entanto, os especialistas acreditam que esses e-mails devem ser bem direcionados.

Esses números indicam a diferença entre as expectativas e os resultados. No entanto, lembre-se que nenhuma regra é gravada em pedra quando se trata da frequência de e-mails promocionais. De acordo com esses números, um e-mail por semana faria bem. No entanto, você precisa encontrar a sua própria direção que irá lhe dar o caminho exato..
Aqui estão alguns fatores a serem considerados:
 
Estatísticas da empresa
Olhe para seus concorrentes e veja quantos e-mails eles enviam em uma semana. Verifique também seu retorno sobre o investimento e considere aprender com eles. No entanto, não copia a estratégia descaradamente. Eles podem estar enviando mais e-mails, porque eles têm um grande número de assinantes ou porque eles têm uma meta específica. Sua estratégia deve ser personalizada para suas necessidades.

Natureza do produto ou dos serviços
O número de e-mails que você envia em grande parte depende do que você está oferecendo aos seus clientes. Por exemplo, se você está vendendo aparelhos de ar condicionado, você estaria enviando mais e-mails nos verões do que no inverno. Por outro lado, se você estiver executando uma agência de notícias, você estaria enviando e-mails diários para manter as pessoas informadas.

Natureza do e-mail
Você deve saber o objetivo de seu e-mail. Você está tentando fazer as pessoas comprar um produto, ou você está tentando fazê-los preencher um formulário? De acordo com relatórios, seu primeiro e-mail  terá que ter o CTR (taxa de cliques) mais alta, o que significa que você tem uma chance de acertar. Tente chegar ao ponto no primeiro e-mail, a menos que você está criando curiosidade.

Aqui estão mais algumas dicas sobre como definir a frequência:

Deixe seus clientes escolher quantos e-mails eles desejam receber: Você pode ter essa opção quando se inscrever para boletins informativos, ou você pode obter essas informações iniciando uma enquete.
Preste atenção aos números: Veja as suas taxas de abertura e quantas assinaturas e cancelamentos de inscrição você está recebendo. Estes números ajudarão você a trazer mudanças em sua estratégia se necessário.
É importante entender os fundamentos do engajamento: Se você tiver taxas de engajamento baixas, poderá melhorar sua taxa de engajamento de clientes, aumentando ou diminuindo o número de e-mails enviados por semana. O envolvimento é basicamente obter o resultado desejado de um e-mail. Você precisa ter certeza da finalidade de um e-mail antes de enviá-lo. Nem todos os e-mails são enviados com uma intenção de compra. Alguns e-mails podem ser não promocionais. No entanto, certifique-se de todos os seus e-mails tenham conteúdo relevante aos seus leitores. Não envie um e-mail que seja spam. Cerca de  32 por cento dos usuários cancelam a inscrição  devido ser “irrelevante ou inútil”.

Pesquisa de mercado por celular
E-mail Marketing

Pesquisa de mercado por celular

A pesquisa de mercado é absolutamente crítica para o crescimento de todas as empresas e organizações porque coloca você dentro da mente de seus consumidores. O conceito de pesquisa mudou graças ao crescimento da tecnologia. Agora estamos deixando o mundo da caneta e do papel e nos mudando para um lugar de aplicativos móveis, coleções de dados SMS e tecnologia USSD.
 
Como a tecnologia móvel mudou a pesquisa
 
1) Os resultados são coletados em tempo real: Os resultados em tempo real são incríveis porque ajudam as empresas e os pesquisadores de mercado a conhecer os dados conforme ele vem. A tecnologia móvel definitivamente ajuda com isso. Organizações e ONGs ocupadas se beneficiam de resultados em tempo real que podem ajudá-los a planejar a angariação de fundos com mais precisão.
 
2) Localização geográfica: aplicações móveis permitem geolocalização e monitoramento de coleta de dados em tempo real. É importante saber de onde vêm os dados e a tecnologia de localização geográfica pode conseguir isso. Locais móveis continuarão a ser uma tendência quente no mundo da pesquisa de mercado como ONGs e organização olhar para os dados que são específicos.
 
3) As pesquisas estão sendo carregadas digitalmente: Com questionários sendo carregados on-line para aplicativos móveis e USSD, o pesquisador é capaz de acessá-los a qualquer momento, se ele ou ela deseja. A computação em nuvem tornou mais fácil para as empresas de pesquisa de mercado a construção de seus questionários.
4) Fotos podem ser adicionadas: A pesquisa vem à vida com imagens de no chão. Fotos dos respondentes e da área em que a organização está ajudam as partes interessadas a entender melhor os resultados.
 
5) A tecnologia móvel permite que a percepção e a emoção sejam registradas: Com a tecnologia USSD e SMS, você pode executar uma pesquisa de percepção e receber respostas instantâneas para ver como os participantes se sentem sobre seu produto ou serviço.
 
Considere o poder da tecnologia móvel para pesquisa de mercado, a fim de desbloquear dados sobre seus clientes e aumentar o seu negócio. Soluções de pesquisa móveis personalizadas funcionam melhor para empresas da Tanzânia que estão procurando crescer, entre em contato comigo para obter mais informações sobre como isso pode ser aplicado à sua organização.

4-maneiras-que-a-Inteligência-Artificial-pode-melhorar-o-email-marketing-dkma-tecnologia-e-marketing
E-mail Marketing

4 maneiras que a Inteligência Artificial pode melhorar o email marketing

Email marketing está em uma revisão completa. O marketing por e-mail não se limita aos gatilhos baseados em regras, mas evoluiu para um meio de personalização mais in-the-moment. A IA preencheu a falta de espaço entre compras tradicionais e compras on-line com personalização. Aqui estão quatro maneiras pelas quais a IA alterou o email marketing para melhor.
 

  1. Melhor tempo para enviar para aumentar as taxas de abertura

 
Você tem três segundos para aproveitar a atenção do cliente. Você não pode arriscar essa chance enviando a mensagem certa para a pessoa certa, mas no momento errado. Enviar um e-mail geral a todos os clientes no mesmo tempo exato é como jogar espaguete na parede e esperando que ele vá ficar lá. Com os algoritmos de inteligência artificial com tecnologia IA, os varejistas inteligentes estão enviando as mensagens quando os usuários são mais propensos a abri-las com base no comportamento passado de cada cliente. Por exemplo, você pode receber uma mensagem na manhã quando você verificar seus e-mails, mas vou receber a mesma mensagem à noite, com base na minha atividade de e-mail. Mesmo uma personalização pequena como esta afetará a taxa de sucesso de suas campanhas de e-mail, melhorando o seu e-mail abre e aumentando as conversões.
 

  1. Recomendações de produtos para aumentar as conversões de e-mail

 
A McKinsey & Company estimou que a Amazon gerou 35% de sua receita com suas recomendações de produtos de e-mail e no local.
 
As recomendações personalizadas de produtos em e-mail são uma forma comprovada de aumentar o envolvimento do cliente, as taxas de cliques (CTRs) e, em última instância, as vendas. Mas escolher os produtos específicos para cada cliente não é escalável nem humanamente possível. No entanto, os algoritmos IA são treinados em enormes conjuntos de dados, incluindo o comportamento passado, atividade e histórico de compras de um cliente, para criar recomendações personalizadas para cada cliente. A IA torna possível enviar campanhas altamente direcionadas integrando recomendações dinâmicas de produtos em tempo real, resultando em elevação no controle e nas vendas. Este tipo de personalização oferece muito valor ao cliente.

  1. Segmentação para hiperpersonalização

 
Email marketing percorreu um longo caminho de envio de e-mails de lote e explosão. Enviar emails segmentados não é mais a coisa “it” – é o padrão. Os profissionais de marketing sabem que não há personalização sem segmentação. E-mails segmentados foram provados para obter mais abertura, CTRs e conversões, além de engajamento de clientes. Mas com a abundância de dados de clientes, o sucesso de seus segmentos depende de suas regras e condições subjacentes.
A inteligência artificial facilitou a segmentação, com algoritmos que podem identificar automaticamente os segmentos mais proeminentes em seus dados que também têm a mais promessa. Por exemplo, se você é uma empresa de vestuário vendendo para todos as faixas etárias, a inteligência artificial pode identificar a faixa etária que está lhe dando a maior conversão. Mesmo uma segmentação simples como esta pode ajudá-lo a aumentar a sua conversão durante a noite.
 
A segmentação RFM (recência, frequência, monetária) é outro exemplo de modelos de segmentação por inteligência artificial. Os segmentos de aprendizado automático não são apenas significativos, mas também economizam tempo e recursos que você pode aplicar a campanhas de marketing. Por exemplo, você pode criar um mailer personalizado para clientes de alto valor / ideais identificados por meio do RFM.
 

  1. Insights do cliente para o marketing do ciclo de vida

 
IA  e análise preditiva têm mudado a forma como os profissionais de marketing geram percepções sobre os clientes. Alavancando dados transacionais, comportamentais e intencionais, a análise preditiva permite que os profissionais de marketing enviem e-mails altamente contextuais ao longo do ciclo de vida do cliente. Com métricas-chave como CLTV, tempo para a primeira compra, tempo entre compras, e assim por diante, os profissionais de marketing podem criar campanhas mais poderosas para envolver seus clientes de forma mais eficaz e em tempo real. Por exemplo, para os abandonadores de carrinhos, a análise preditiva pode ajudá-lo a criar e-mails de recuperação altamente personalizados com uma oferta de desconto econômica necessária para motivar o abandonador a concluir sua compra, gerando assim um ROI melhor.
 
A IA é a maior mudança para o marketing por e-mail que impulsionará a personalização como nunca antes. Estes métodos mencionados acima são testemunho de como a AI pode fazer marketing por e-mail ainda mais poderoso.

Todo-o-potencial-do-e-mail-marketing-B2B-dkma-tecnologia-e-marketing-1
E-mail Marketing

Todo o potencial do e-mail marketing B2B

Muito tem sido escrito sobre como persuadir os consumidores a clicar e comprar produtos/serviços. Você provavelmente conhece algumas das melhores práticas de e-mail marketing B2C (Business to Consumer). Mas o e-mail marketing (B2B)Business to Business  é diferente em muitos aspectos. Sim, há uma pessoa no outro lado que lê seu email, mas ele se encontra em um contexto de negócios, isso faz com que muitas das regras de marketing B2C pré-definidas não se apliquem. Então como se faz uma forte campanha de e-mail B2B?
 
Explorar os pontos fortes do marketing por e-mail B2B para promover seus produtos e serviços, é importante ir ao foco certo.
 
Ninguém nunca comprou um avião depois de ler um e-mail
 
Um avião Boeing 747 não é comprado por impulso. Muitas vezes você vai lidar com longos ciclos de compra, por isso não imagine que os destinatários B2B vão adquirir seus produtos/serviços no instante em que enviar você e-mail a eles. Isso significa que é necessário que vários e-mails sejam enviados por um longo período de tempo, primeiro passo é entender que seu cliente precisa.
 
Conteúdo vende melhor do que uma grande oferta
 
Análise das campanhas da agência B2B de marketing por e-mail mostra que em 90% o texto do link Call to Action, ganha de um texto como “Comece agora” ou “compre agora”. Uma confirmação de que conversar com o cliente antes de vender funciona na maioria dos casos, especialmente se a informação está alinhada com os interesses e perfil do destinatário B2B.
 
Na maioria dos casos, os destinatários querem ser informados sobre opções, ler conteúdo útil ou divertido e ver referências. A maioria das pessoas não irão ficar animadas de apenas “olhar para as nossas possibilidades” eles anseiam de conteúdo envolvente. Isso mostra que você deve encontrar formas criativas de transmitir a mensagem. Não vender o produto, mas o conteúdo. Adicionando a isso, cada etapa da decisão do comprador pede seu próprio tipo de conteúdo.
 
 
Não existem rótulos
 
Ao direcionar seus boletins de marketing por e-mail B2B, uma seleção baseada no título da função parece atraente. Por exemplo, visando todos os diretores executivos. Um freelancer é um diretor executivo, o proprietário de um restaurante local é um diretor executivo, o gerente de uma empresa de loja é um diretor executivo.
 
Mas os diretores executivos têm perfis completamente diferentes. Há uma diferença enorme no comportamento e uma abertura gigantesca no tipo de informação que procuram. Isso significa que você precisará misturar o título da função com outros critérios de seleção para encontrar o público certo. Por si só, o tamanho da empresa acaba por ser um diferencial muito maior de alcançar a pessoa certa em seu grupo-alvo.
 
Objetivo para a UTD
 
No processo B2B, uma decisão de compra muitas vezes não é feita por uma única pessoa. Um grupo de pessoas está envolvido com a compra de seus produtos ou serviços; Formam a Unidade de Tomada de Decisão (UTD). Segmentar o seu e-mail apenas para os influenciadores ou apenas os tomadores de decisão final é uma armadilha comum, porque ambos os grupos desempenham um papel importante na realização da compra final.
 
Um membro da UTD vai olhar para suas campanhas de e-mail marketing B2B a partir de sua própria perspectiva. Por isso, é crucial para adaptar a sua mensagem em conformidade. Todos os comerciantes dizem que gostariam de segmento mais (tanto mais frequentemente e mais profundo), mas no B2B e-mail marketing isso é ainda mais prudente. Seus diferentes papéis significam que eles têm outros “pontos de pressão”; Um diretor financeiro terá outras preocupações do que um diretor técnico ou gerente de marketing.
 
O email que endereça corretamente estes pontos da pressão terá um acoplamento muito mais elevado do email. Coloque uma estratégia de e-mail marketing para diversificar suas mensagens e coletar pontos de dados adicionais para fins de segmentação.
 
B2B e-mail marketing
 
Um e-mail é um e-mail, mas apenas traduzir campanhas de e-mail B2C para o B2B é uma enorme armadilha. O e-mail continua sendo à força de trabalho do marketing B2B, trazendo conversões e agregando valor ao longo do ciclo de vida do cliente.

ciclo-de-vida-email-marketing-dkma-tecnologia-e-marketing-1
E-mail Marketing

A importância do ciclo de vida do e mail marketing

Saber o ciclo o de vida do seu e mail marketing é muito importante, para definir o comportamento do seu público alvo, e assim conseguimos focar no que realmente o seu consumidor necessita, chamamos isso de marketing on one2one.
Para construir esse relacionamento com seus possíveis clientes, utilizando diferentes segmentações para cada público, é necessário se atentar em 3 aspectos.
Comportamento do cliente: Você estudando seu público alvo saberá exatamente qual é realmente sua necessidade.
Nível de engajamento: Após o seu estudo saberá definir uma estratégia, sabendo exatamente como e quando poderá fazer uma campanha de e mail marketing para o público alvo desejado.
Fidelização: É o que todos esperam fidelização a sua marca, para isso acontecer é necessário um grande nível de interação entre ambas as partes.
Acerte o alvo, isso é muito importante para que sua marca seja sempre lembrada e as campanhas de e mail marketing estão ai para ajudar você a chegar lá.

Saia na frente da concorrência com o e-mail marketing
E-mail Marketing

Saia na frente da concorrência com o e-mail marketing

Campanhas de marketing com folders, malas diretas são poucos eficientes na questão de atingir seu público alvo, e geralmente você não tem a certeza de qual público irá chegar sua campanha.
Por esse motivo o e-mail marketing sai na frente em todos os quesitos, pois você consegue segmentar grandes números de clientes e a resposta é imediata, qualquer dúvida que o cliente tenha referente a campanha você pode tirar na hora conseguindo aumentar o número de negócios na sua empresa.
Faça parte do meio digital, a DKMA Tecnologia e Marketing ajuda você a sair na frente da concorrência elaborando e gerenciando seus e-mails marketing, ajudando a alavancar os resultados da sua empresa.